INSTRUMENTOS MUSICAIS DE CORDAS

Característica, Origem e Evolução

Cordas friccionadas violino, viola, violoncelo e contrabaixo.

O violino é o mais agudo e de menor tamanho da família. Tem quatro cordas, é o principal instrumento da orquestra. Originou-se do rebab dos árabes ou ravanastron dos hindus, que são os primeiros instrumentos de cordas friccionados por arco. O mais célebre construtor de violino foi Antônio Stradivarius.

A viola teve a mesma origem do violino. E semelhante a ele, um pouco maior e de som mais grave. E o contralto da orquestra.

O Violoncelo, maior que a viola, tem o som mais grave que ela. O executante toca sentado, apoiando o instrumento no chão. O baixo do quarteto de cordas, que é formado de violinos, viola e violoncelo.

O contrabaixo, de sons muito graves, é o maior dos instrumentos de arco. O executante toca de pé, apoiando o instrumento no chão. Na música popular moderna é usado com amplificação elétrica e com as cordas dedilhadas.

Cordas dedilhadas: alaúde, harpa, violão e guitarra portuguesa:

Alaúde, instrumento de origem árabe, de cinco ou seis cordas duplas. Os alaúdes e violas estiveram em grande moda no século XVI. Hoje voltou a moda de tocar alaúde.

A harpa é um dos mais antigos instrumentos de cordas. Há 2.000 a.C. já era usada entre os egípcios. Conta 47 cordas e sete pedais.

O violão, originário da Espanha, onde é denominado guitarra, tem seis cordas simples. E o instrumento mais popular do Brasil, fazendo parte dos conjuntos