Alfabetização no estudo do instrumento

A alfabetização do indivíduo resulta na possibilidade maior de aprendizado de conhecimentos, opções e escolhas através da leitura e escrita. O estudo de um instrumento, necessitará da prática da leitura e escrita. O limite da percepção é o conhecimento ou a informação. É natural que o estudante ao se identificar com um tipo instrumento, procure repetir o que ouve. Isso é muito bom, mas os resultados variam conforme a sua facilidade, e na interpretação do que se ouve . Nesse momento entra a importância do estudo orientado por um bom professor, pois o estudante terá dificuldades em determinados ritmos e viradas, em contagem de compassos e andamento. Com certeza não saberá como aplicar as técnica ou coordenação motora que estão sendo usados, ou seja chegou no seu limite, Nesse momento entra a necessidade de se aprender divisão rítmica.

Outro fator importante, é que o rendimento da leitura pelo estudante resulta em um maior entendimento e rendimento das matérias estudadas, mesmo que haja uma grande quantidade de informação, que é o natural, não terá nenhum problema , pois em função da leitura , ele sozinho poderá rever o material dado.

Quando falamos em leitura, escrita musical , que é falarmos em teoria, percebemos uma idéia errada a respeito disso. A parte teórica está totalmente distante da prática, tal como o Ocidente para o Oriente. Isso é pura falta de conhecimento, a teoria e a prática , quando se trata de um estudo de qualidade uma precisa da outra.

Existem três maneiras de utilização da leitura e escrita para o estudo, que são: Estudo de ritmos específicos, viradas, coordenação motora e outros, que serão feitos através de métodos. O estudo de transcrições de levadas, viradas, ou músicas inteiras, já com uma análise mais detalhada do estudante, que será feita através de cds, exigindo uma boa percepção musical e escrita. E por fim , a leitura de partituras que é um estudo mais complexo, no que diz respeito a sinalização e interpretação da mesma.

Isso é apenas uma dica básica, já que não entraremos na explicação técnica desses estudos, e sim orientar ao estudante da importância da alfabetização musical.