Caetano Veloso

 

Avarandado
Tom: Gm
(Gmaj7)              E7.b13     Am7
     Cada palmeira na estrada
 D7.9                  Gdim  Gmaj7
     tem uma moça recosta - da
 G6                  C#m7.b5 F#7
     uma é minha namorada 
               Bm7.b5  E7.b13      Am7 Abmaj7     Gmaj7
     e essa estrada            vai dar       no mar
 Gm7                 C7.9/G    
     Cada palma enluarada
 F7                          Fm6   
     tem que estar quieta, parada
 Eb7.9/Bb                    Abmaj7 D7.b9
     qualquer canção, quase nada
           Gm7.9          Am7.9  D7.b13
     vai fazer o sol levantar
           Gm7.9   C7.b13      Am7.9  D7.9  Gmaj7
     vai fazer  o   dia     nascer
         E7.b13        Am7  
     Namorando a madrugada
 D7.9               Gdim Gmaj7
     eu e minha namora - da
 G6                       C#m7.b5 F#7
     vamos andando na estrada 
             Bm7.b5  E7.b13    Am7 D7.9       Bm7.b5  E7.b13
     que vai dar     no avarandado   do amanhecer
               Am7 D7.9      Bm7.b5 E7.b13
     no avarandado  do amanhecer
                  D7.9      Gm7.9
     no avarandado do amanhecer


Atrás do Trio Elétrico
Tom: C
  C               Dm
 Atrás do trio elétrico
        G              C
 Só não vai quem já morreu
                     Dm
 Quem já botou pra rachar
      G                   Dm
 aprendeu, que é do outro lado,
    G              Dm
 Do lado de lá, do lado
       G              C
 Que é lado, lado, de lá.
   C
 O Sol é seu,
 O som é meu
 Quero morrer,
 D7           Dm
 Quero morrer já;
 O som é seu,
         G
 O som é meu,
         G
 Quero viver,
             C
 Quero viver lá.
                        C7
 Nem quero saber se o diabo
                                F
 Nasceu, foi na Bahi -a foi na Bahi-a
 O trio elétrico
          C
 O sol rompeu
         G               C
 No meio di -a  no meio di-a


Meia lua inteira
Tom: A
Intro: A D
             A              D7M      A              D7M  A
Meia lua inteira sopapo na cara do fraco estrangeiro gozador
          D7M     A                    D7M     A  D7M
Cocar de coqueiro baixo quando engano  se enganou
A                    D7M                      A
São dim dim dão são Bento, grandes homens de movimento
             D7M
Martelo do tribunal
  A              D                     A                    D7M
Sumiu na mata adentro foi pego sem documento no terreiro regional
A               D7M
Poeira ra ra ra
A               D7M
Poeira ra ra ra
        A       F#m              B7          E7           A
Terça-feira capoeira ra ra tô no pé de onde der ra ra ra ra     Refrão
    A            D
Verdadeiro ra ra ra
    A            D
Derradeiro ra ra ra
        A          F#m
Não me impede de cantar ra ra ra
       B7         E7          A
Tô no pé de onde der ra ra ra ra
                         D   A                      D
Bima berimba a mim que diga taco de arame cabaça, barriga
 A                      D7M                       A
São dim, dom, dão são Bento grandes homens de movimento
                D7M
Nunca foi um marginal
A                  D7M                    A
Sumiu na praça adentro caminhando contra o vento
                 D7M
Sobre a prata capital
Repetir Refrão


Isso aqui o que  é
Tom: E
Intro: (E G#m7  F#m7  B7)
          E            G#m7          F#m7    B7
isso aqui, ô, ô é um pouquinho de brasil iaiá
                           f#m7      b7         E       Bm7
desse brasil que  canta e é feliz,   feliz,   feliz,   é 
          E7              A     Am
também um pouco  de uma raça
          D7           E      G#m7
que não tem medo de fumaça ai, ai 
 F#m7        B7     E
e não se entrega não        
olha o jeito
           Eo            F#m7
nas cadeiras que ela sabe dar                BIS
             B7                  E
olha só o remelecho que ela sabe dar
 
 G#m7    F#m7         B7         Bm7      C#7    
morena  boa que me   faz  penar  bota a sandália
      F#m7             B7     E   
de  prata e  vem pro samba sambar


Beleza pura
Tom: C
Intro: C  Am  Dm   G7
 Am              Dm
não me arranca dinheiro não
G7       C
mas formosura
Am       Dm
dinheiro não
G7        C
a pele escura
Am        Dm
dinheiro não
G7        C
a carne dura
Am    Dm  G7
dinheiro não
C            Am        Dm 
moça preta do curuçu, curuzu  
G7        C
beleza pura
Am          Dm
fede . .., ração
G7       C
beleza pura
Am      Dm 
boca do rio
G7      C
beleza pura
Am    Dm  G7
dinheiro não
Bm 
quando essa preta começar a tratar
E
do cabelo 
Bm 
é de se olhar
toda a trama da trança a transa
E
do cabelo
Bm
conchas do mar
ela manda buscar pra botar
E
no cabelo
 A7
toda minúcia
D7       G7
toda delícia
C         Am          Dm
não me amarra dinheiro não  
 
G7 C  Am Dm G7
 mas elegância 
 C     Am            Dm
não me amarra dinheiro não
G7        C
mas a cultura
Am       Dm
dinheiro não
G7       C
a carne dura
Am    Dm G7
dinheiro não
C     Am        Dm
moço lindo do badaué
G7      C
beleza pura
Am       Dm
do ilê aiyê
G7      C
beleza pura
Am        Dm
dinheiro yeah
G7       C
beleza pura
Am      Dm G7
dinheiro não
Bm
dentro daquele turbante do filho
E
de ghandi
Bm
é o que há
tudo é chique demais
E 
tudo é muito elegante
 Bm
manda botar
fina palha da costa e que tudo
E
se transe
A7
todos os búzios
D7         G7
todos os ócios
C
não me amarra
Am        Dm
dinheiro não
G7          C
mas os mistérios
C            Am         Dm
não me amarra dinheiro não
G7       C
beleza pura
Am        Cm
dinheiro não


Trem das cores
Tom: D
  D
A franja da encosta
D5+             G7+
Cor de laranja
Capim rosa chá
  Em7              Gm7
O mel desses olhos luz
           F7+
Mel de cor ímpar
  Cm7                F7             Bb7+
O ouro ainda não bem verde da serra
           Bbm7
A prata do trem
  D7+             Bm7
A lua e a estrela
 Em7+            G/A A7
Anel de turquesa
   D7+          D5+
Os átomos todos dançam
        G7+
Madruga
Reluz neblina
Em7               Gm7            F7+
Crianças cor de romã entram no vagão
  Cm7            F7             Bb7+
O oliva da nuvem chumbo ficando
               Bbm7
Pra trás da manhã
    D7+               C#m7/5-
E a seda do azul do papel
                Bm7
Que envolve a maçã
   
                      C#m7/5-
As casas tão verde e rosa
    F#7     Bm7                E/G#
Que vão passando ao nos ver passar
   Bm7             C#m7/5-    Bm7
Os dois lados da jane......la
                  C#m7/5-
E aquela num tom de azul
       F#7    Bm7              E/G#
Quase inexistente azul que não há
Bm7            E7
Azul que é pura memória de algum
       A   G/B A/C#
     lugar
    D7+
Teu cabelo preto
  D5+            G7+
Explícito objeto
Castanhos lábios
   Em7           Gm7           F7+
Ou pra ser exato lábios cor de açaí 
  Cm7
E aqui trem das cores
F7              Bb7+
Sábios projetos
            Bbm7
Tocar na central
D7+                C#m7/5-
E o céu de um azul celeste
     G7+  (D7+ G7+ D7+ G7+ A7)
Celestial


De noite na cama
Tom: D7/9
Intro: (D7/9 G7)
   D7/9      G7                D7/9  G7
De noite, na cama, eu fico pensando
   D7/9    G7            D7/9  G7
Se você me ama, e quando
   D7/9    G7              D7/9  G7
Se você me ama, eu fico pensando
   D7/9      G7           D7/9 G7
De noite, na cama, e quando
               D7/9             G7    G7                   D7/9 G7
De dia eu faço graça pra não dar   bandeira não deixo você ver
            C7/9             F7
De dia tudo passa como brincadeira
               Bb7/9  Eb7/9
Por longe de você
              Ab6/7             C#7/9
Por onde você mora, pára e se demora
                 F#6/7            B7/9
Por hora não vou ter coragem de dizer
                  E7/9
Mas há de haver a hora
              A7
Se você for embora, agora...


Não enche
Tom: Cm
Cm        F 
Me larga, não enche
Bb
Você não entende nada e eu não vou te fazer entender
Cm        F
Me encara, de frente
Bb
É que você nunca quis ver não vai querer, não quer ver 
Fm       Bb
Meu lado, meu jeito,
Eb
O que eu herdei da minha gente e nunca posso perder
Gm       Cm
Me larga, não enche
Cm                   F               Cm              F
Me deixa viver, me deixa viver, me deixa viver, me deixa viver
Cm      F
Cuidado, oxente !
Bb
Está no meu querer poder fazer você desabafar
Cm       F
Do salto, nem tente
Bb
Manter as coisas como estão porque não dá, não vai dar
Fm       Bb
Quadrada, demente
Eb
A melodia do meu samba põe no lugar
Gm        Cm
Me larga, não enche
Cm                    F               Cm                F
Me deixa cantar, me deixa cantar, me deixa cantar, me deixa cantar
     Eb
Eu vou 
       Cm  F
Clarificar 
        Eb
A minha voz
          Cm           F
Gritando: nada mais de nós!
Eb              Cm    F                
Mando meu bando anunciar
Eb       Cm       F
Vou me livrar de voce
Cm     F
Harpia, aranha
Bb
Sabedoria de rapina e de enredar, de enredar
Cm     F
Perua, piranha, 
Bb
Minha energia é que mantém você suspensa no ar
Fm      Bb
Pra rua! se manda,
Eb
Sai do meu sangue sanguessuga, que só sabe sugar
Gm     Cm
Pirata, malandra
Cm                F               Cm               F
Me deixa gozar, me deixa gozar, me deixa gozar, me deixa gozar
Cm     F
Vagaba, vampira,
Bb
O velho esquema desmorona desta vez pra valer
Cm     F
Tarada, mesquinha, 
Bb
pensa que é a dona e eu lhe pergunto:quem lhe deu tanto axé?
Fm    Bb
À-toa, vadia,
Eb
Começa uma outra história aqui na luz deste dia D:
Gm      Cm
Na boa, na minha,
   Cm
Eu vou vivez dez,
     F 
Eu vou viver cem,
    Cm
Eu vou  viver mil,
     F            Bb  Cm
Eu vou viver sem você


Odara
Tom: E
Intro: Em7.9 
           
   Am7               D7.9              Em7.9
 Deixa eu dançar pro meu corpo ficar odara  
Am        D7.9           Em7.9  
 Minha cara minha cuca ficar odara 
 Am7           D7.9                C#m 
 Deixa eu cantar que é pro mundo ficar odara 
 C7+            Bm7
 Pra ficar tudo jóia rara   
E7.9              Am7 
Qualquer coisa que se sonhara
   D7.9           Em7.9 
Canto e danço dara 


Irene
Tom: D
D        A7                            D
Eu quero ir, minha gente, eu não sou daqui
G              A7    G            A7
Eu não tenho nada, quero ver Irene rir
G               A7        D       Bb   G   D
Quero ver Irene dar sua risada                              (2x)
D        A7      G   A7
Irene ri, Irene ri, Irene
G       A7      G   A7
Irene ri, Irene ri, Irene
G          A7             D      Bb    G    D
Quero ver Irene dar sua risada


Lindeza 
Tom: A7M
           A7M   F#m7                               C#m7(b5)
Coisa linda                é mais  que uma idéia louca
F#7(b13)                   Bm7 
Ver-te ao alcance da boca
E7                        F#m7   Bm7---E7(b9)
Eu nem posso acreditar
       A7M   F#m7                         C#m7(b5)
Coisa linda           minha humanidade cresce 
F#7(b13)                      Bm7
Quando o mundo te oferece 
E7                            Em7   A7
e enfim te das tens lugar
                         D7M                      Dm7 
promessa e felicidade ,festa da vontade
C#m7         F#7(b13)
nítido farol, sinal
    B7(9)        B7(9)      Bm7    E7
novo sob o sol ,    vida mais real
      A7M       F#m7              C#m7(b5)
Coisa linda,             lua lua lua lua
F#7(b13)          Bm7        E7                 F#m7     Bm7---E7(b9)
Sol palavra danca lua         ,pluma tela petala
         A7M        F#m7              C#m7(b5)
Coisa linda, desejante desde sempre
F#7(b13)                       Bm7 E7          F#m7     Bm7---E7(b9)
ter-te agora um dia e sempre , uma alegria pra sempre