Gonzaguinha


A Marcha do Povo Doido
Tom: Gm
Intro: (Cm D7 Gm Am5-/7 D7 Gm)
  Gm
Confesso
                 Cm
Matei a Dana de Teffé
                      Am5-/7
E muitos mais se você quiser
D7                     Gm
Eu sou qualquer José Mané
     F#5+       Gm/F      Am5-/7
Dos Santos, da Silva, da Vida
   Gm
Confesso
                 Cm
A culpa pela carestia
                    Am5-/7
E pela crise de energia
D7                GM
Eu sou o dono da OPEP
    F#5+      Gm/F    G7
Ou Pepsi, ou Coca ou Cola
    Cm
Confesso
             Am5-/7
Nem precisa bater
      D7         Gm
E confessar me alivia
         Gm/F
Vem meu bem
                        Em5-/7
Me condena com aquela anistia
           D7       G7
Me manda logo pra cadeia
   Cm            D7          Gm
Garanta um pouco a minha poupança
           Gm/F                           Am5-/7
Pois pelo menos estando em cana a minha pança
D7                   Gm       F#5+        Gm/F
Vai ter um pouco de aveia ou feijão com areia





Desenredo 
Tom: D  
    D7M(9)
No dia em que o jovem Cabral chegou por aqui, ô ô
                                     Ab7(11#)
Conforme diversos anúncios na televisão
  Am7(9)          A7            Am7(9) A7
Havia um coro afinado da tribo tupi
   D7M(9)                                D7(9b)   Ab7(11#)
Formado na beira do cais cantando em inglês
  G7M                                    C#7/4(9)      C#7(9b)
Caminha saltou do avião assoprando um apito em free bemol
 F#7M                                    Ebm7(9)
Atrás vinha o resto empolgado da tripulação
 F#m7                                 B7(13)  B7(13b)
Usando as tamancas no acerto da marcação
  Em7(9)                                Am7(9/5b)   A7(13b)
Tomando garrafas inteiras de vinho escocês
   D7M(9)
Partiram num porre infernal por dentro das matas, ô ô
                                       Ab7(11#)
Ao som de pandeiros chocalhos e acordeão
  Am7(9)            A7            Am7(9)       A7
Tamoios, Tupis, Tupiniquins, acarajés ou Carijós (sei lá quem mais...)
   D7M(9)                                    D7(9b)           Ab7(11#)
Chegaram e foram formando aquele imenso cordão, meu Deus quibão
    G7M                                      C#7/4(9)       C#7(9b)        
E então de repente invadiram a Avenida Central, mas que legal
      F#7M                                   Ebm7(9)
E meu povo, vestido de tanga adentrou ao coral
    F#m7                                  B7(13) B7(13b)
Um velho cacique dos pampas sacou do piston
  Em7(9)                                  Am7(9/5b)  A7(13b)
E deu como aberto, em decreto mais um carnaval
    D7M(9)          Bb7(13)    Bm7            D7/4(9)  D7(9b)
E assim, a Vinte e Dois      daquele mês de Abril
   G7M               Em7(9)       Bb7(13)
Fundaram a Escola de Samba Unidos    do Pau-Brasil 
Nunca pare de Sonhar
Tom: C  
C7M        Em7          Dm7       G7/4(9)
Ontem um menino que brincava me falou
C7M     Em7         Dm7  G7/4(9)
Ele é semente do amanhã
C7M          Em7           Dm7          G7/4(9)
Para não ter medo que este tempo vai passar
C7M         Em7        Dm7        Gm7  C7(9)
Não se desespere e nem pare de sonhar
F7M        G/F           Em7               A7
Nunca se entregue, nasça sempre com as manhãs
Dm7             G7/4(9)        Gm7         C7(9)
Deixe a luz do sol brilhar no céu do seu olhar
F7M         G/F          Em7         A7
Fé na vida, fé no homem, fé no que virá
Dm7          G7/4(9)  Gm7         C7(9)
Nós podemos tudo,     nós podemos mais
F7M         G7(13b)     C7M
Vamos lá fazer o que será


Ser, fazer e Acontecer
Tom: D  
D5+                    D6    D7 
 Que uma mulher pode nunca nada
      G7M         G6
 Isto eu já sei
     Em7(9)          A7/4(9)
 É o grito da Dona moral
                       D7M(9) F#7(b13)
 Todo dia no ouvido da gente
 Bm                  Bm(7M)   Bm7   Bm6     
 É que eu estou pela vida na  luta
 Em7       F#m7 G F#m7
 Eu também sei
 Em7
 E meu caminho eu faço
     A7/4(9)      A7(9)        Am7             D7(9)
 Nem quero saber        que me digam dessa lei
    G7M                 Gm6
 Porque já sofri, já chorei, já amei
       F#7(13)      F#7(b13)       F#m7      B7(9)  B7(b9)
 Vou sofrer, vou chorar     e  voltar a amar
     Em7          F#m7    G7M           A7/4(9)
 Porque já dormi,   já sonhei e acordei
          Am7                       D7(9)
 E vou dormir, vou sonhar, pois eu nunca cansei
G7M               A/G
 É que sinto exatamente 
            F#m7                       B7(b9)
 Aquilo que sente qualquer um que respira
Em7            F#m7
 Uma perna de calça
                G7M             F#m7
 Não dá mais direito a ninguém
        A7/4(9)          Am7   D7(9)
 De transar o que seja viver
G7M                        Gm6
 E por isso eu prossigo e quero
               F#7(13)    F#7(b13)  B7(9)   B7(b9)
 E grito no ouvido dessa tal de     dona moral
 Em7                  F#m7       G7M
 Que uma mulher pode nunca é deixar
             A7/4(9) A7(9)         D7M(9)
 De ser e fazer            e acontecer
Palavras
Tom: Dm  
Dm7(9)
PALAVRAS, PALAVRAS, PALAVRAS
           D7(9)  Gm7  Gm7/F# Gm7/F Gm7/F#
EU JÁ NÃO AGUENTO MAIS
  Gm7/F     Em7(5b)   Eb7M
PALAVRAS, PALAVRAS, PALAVRAS
  C7(9)                      F6  E7  Eb7M  A
VOCÊ SÓ FALA, PROMETE E NADA FAZ
Dm7(9)                D7(9)
PALAVRAS, PALAVRAS, PALAVRAS
                D7(9b)      Gm7
DESDE QUANDO SORRIR É SER FELIZ
   C7(9)                  F6   Bb7M
CANTAR NUNCA FOI SÓ DE ALEGRIA
          Em7
COM TEMPO RUIM
     A7/9b(13)           Dm7(9)  D7(9b)
TODO MUNDO TAMBÉM DÁ BOM DIA
   Gm7       C7(9)        F6   Bb7M
CANTAR NUNCA FOI SÓ DE ALEGRIA
          Em7
COM TEMPO RUIM
     A7/9b(13)           Dm7(9)  D7(9b)
TODO MUNDO TAMBÉM DÁ BOM DIA ...


Do Meu Jeito
Tom: Bm
       Bm   Bm7+           Bm7  Bm6
JÁ NÃO BASTA ESSE DIA APÓS DIA
                  Em7/9
QUE É UM PESO CONSTANTE SOBRE AS COSTAS DA GENTE
      C#m5-/7                  F#5+/7
NESSE TEMPO DOENTE À SOLTA NAS RUAS
              Bm   Bm7+           Bm7  Bm6
COLOCANDO NAS FACES ESSE AR DESCONTENTE
       F#m7                          B7
JÁ NÃO BASTA A DESCRENÇA E A DESCONFIANÇA
             Em    Em7+         Em7   Em6
ACABANDO COM NOSSA ESPERANÇA DE FELICIDADE
       G#m5-/7                       C#7
JÁ NÃO BASTA A PRESSÃO DESSA FALSA MORAL
              Em             F#5+/7
ENCOBRINDO OS ATOS DE IMORALIDADE
Bm             Bm7+
AH, POR FAVOR, MEU GAROTO
             Bm7        Bm6     Em7/9
NÃO VENHA TAMBÉM ME PRENDER A CABEÇA, AS PERNAS E BRAÇOS
      C#m5-/7              F#7                F#5+/7
EU TE AMO E ESSE AMOR EU DECLARO E GRITO E PROCLAMO
             Bm    Bm7+        Bm7  Bm6
DE PEITO BEM LIMPO, DE PEITO LAVADO
       F#m7                             B7
NÃO PRECISO PROVAR, POIS SEI BEM O QUE SOU
                Em  Em7+              Em7   Em6
E TINTIM POR TINTIM DOS MEUS TRAÇOS E PASSOS
      G#m5-/7              C#7
EU CANSEI DESSAS VELHAS PROMESSAS
                F#7/4               F#7
DESSAS VELHAS PALAVRAS E CANSADOS DITADOS
       Em                 C#m5-/7  F#5+/7
JÁ NÃO BASTA ESTA COISA ROLANDO AÍ FORA
       Bm7   A#           Am7    D5+/7
NOS CASTRANDO COM GARRAS E DENTES
       C#m5-/7             F#5+/7            Bm    B7
NOS FORÇANDO A VIVER TÃO SOMENTE DE MEIAS VERDADES
       Em            Em7/D  C#m5-/7   Bm    A#            Am7   D5+/7
O IMPORTANTE É QUE O NOSSO CORAÇÃO    SINTA, ATRAVÉS DO RESPEITO
        C#7         F#7       Bm
O QUE É SER UMA PESSOA DO MEU JEITO


Sangrando
Tom: Dm7
Dm7/9                            Gm7         Bb/C
Quando eu soltar a minha voz por favor, entenda
                   C7/9                            F4   F7+
Que palavras por palavras eis aqui uma pessoa se entregando
Cm7       F7/9-                        Bb7+
Coração na boca, peito aberto, vou sangrando
G4/7       G7                          C4/7    C7    A7  
São as lutas dessa nossa vida que eu estou cantando
Dm7/9                                        Gm7  Bb/C
Quando eu abrir a minha garganta, essa força tanta
               C7/9                               F4  F7+ Cm7
Tudo que você ouvir, esteja certa que eu estarei vivendo
                       F7/9-        Bb7+           G4/7
Veja o brilho dos meus olhos e o tremor das minhas mãos
                   G7          C4/7                   C7
E o meu corpo tão suado, transbordando toda raça e emoção
    F/A            C#5+              Bb/D  C7
E se eu chorar e o sal molhar o meu sorriso
        Gm7                     C7                         Am7  Dm7  Cm7  C7
Não se espante, cante que o teu canto é minha força pra cantar
        F/C             A7         Bb      C7
Quando eu soltar a minha voz por favor entenda
    Gm7                  C7             Ab6  G7  Gb7+ F
É apenas o meu jeito de viver, o que é amar



Bié Bié Brasil
Tom: C
Intro: C A7 A5-/7 F Fm C A7 Dm G7 C G7
C
Bié bié Brasil
     G#6          Em
Bye bye Brasil, adeus
 A7   Dm          Dm7+          Dm7      Dm6
Tanto faz se eu cantar em português ou inglês
           Em  A7  Dm    G7 (G#6 G7) (C A7)
Pois se mudou foi Deus, foi Deus
Dm          G7         C
Salve a maravilha eletrônica
Bm5-/7      E7           Am   Bb A7
Que já resolveu a fome crônica
Dm   C/E    F    F#    C    A7
Mares de antenas de TV pelo país
D7                        G4/7           G7
Tornam nosso índio mais alegre e mais feliz
Dm          G7          C
E ninguém segura esse milagre
 Bm5-/7      E7            Am Gm7 C7
Até Frank Sinatra veio à festa
     F          F#                C       A7
Pois esse é um país que foi pra frente meu bem
         Dm        G7        Gm7  C7
E se ele foi, foi Deus, foi Deus
     F          F#                C       A7
Pois esse é um país que foi pra frente meu bem
         Dm        G7         C (C7 F G7)
E se ele foi, foi Deus, foi Deus


Grito de Alerta
Tom: G
  G                 G7+                   G7
Primeiro você me azucrina, me entorta a cabeça
                           Am
Me bota na boca um gosto amargo de fel
 Cm   
Depois vem chorando desculpas, assim meio pedindo
                     G
Querendo ganhar um bocado de mel
C                       D7               Bm
Não vê que então eu me rasgo, engasgo, engulo
             E
Reflito e estendo a mão
  Am                     F
E assim nossa vida é um rio secando
D7
As pedras cortando e eu vou perguntando: até quando?
 G                    G7+              G7
São tantas coisinhas miúdas, roendo, comendo
                             Am
Arrasando aos poucos com o nosso ideal
 Cm 
São frases perdidas num mundo de gritos e gestos
                       G
Num jogo de culpa que faz tanto mal
 C                        D7      Bm              
Não quero a razão pois eu sei o quanto estou errado
E
O quanto já fiz destruir
    Am              F
Só sinto no ar o momento em que o copo está cheio
 D7
E que já não dá mais pra engolir
     C     D7                Bm
Veja bem, nosso caso é uma porta entreaberta
                Am
Eu busquei a palavra mais certa
D4/7    D7           Dm        G7
Vê se entende o meu grito de alerta
C         D7          Bm
Veja bem, é o amor agitando meu coração
                     Am
Há um lado carente dizendo que sim
D4/7     D         Dm             G7  (C D7 G)
E essa vida da gente gritando que não


Infinito Desejo
Tom: D7+
Intro: (D7+ G6)
D7+   G6                       D7+
Ah, infinito delírio chamado desejo
      G6               D7+
Essa fome de afagos e beijos
     F#m7     F         Em  B7
Essa sede incessante de amor
Em        A7              Em
Ah, essa luta de corpos suados
  A7           Em
Ardentes e apaixonados
            A7                D7+ A4/7 A7
Gemendo na ânsia de tanto se dar
D7+      G6               D7+
Ah, de repente o tempo estanca
                        Am
Na dor do prazer que explode
              D7                 G7+
É a vida, é a vida, é a vida, e é bem mais
Gm7              C7/9
Esse teu rosto sorrindo
          F#m7                B7/9
Espelho do meu no vulcão da alegria
 Em                  A7                  D7+
Te amo, te quero, meu bem não me deixe jamais
      Em               A7               D7+
E eu sinto a menina brotando da coisa linda
                B7
Que é ser tão mulher
   Em              A7
Oh santa madura inocência
            Am                 B7
O quanto foi bom e pra sempre será
     Em                 A7
E o que mais importa é manter essa chama
      F#m               B7
Até quando eu não mais puder
     Em                     A7                 D7+ G6 D7+ G6
E a mim não me importa nem mesmo se Deus não quiser


Gás Neon
Tom: Em
Em                          E5+ Em
Viver essa longa avenida de gás neon
                  Am
Portas de ouro e prata
         F              D       Am7
Falsos sonhos nessas noites de verão
         D4                  D7/9-
Faces coloridas, farsas de alegria
         G7+
Beijo sem sabor
           C                   C7         F#m B7/9- B
Gestos clandestinos tontos e sedentos de amor
 Em               Em6             Em5+     Em6
Espinhos, rosas, risos, pranto e tanto desamor
           Am                  F
Corte, cicatrizes, gritos engasgados
             D
Lágrimas de dor
             D7/9              D7/9-
Máscaras no rosto, continua a festa
             G7+
No sorriso o sal
             C                 C7
A orquestra geme as dores do palhaço
   B         C  B
Triste marginal
 E             E7+                 Em
Ai de quem mergulhar nesse mar de veneno
                                        Am
Nessa lama enfeitada, nesse sangue das taças
 Am7b      F#m B
Temendo sofrer
 E               E7+               Em
Ai de quem quer negar esse mar de veneno
                           Am
Mil vezes maldito na inconsciência
    Am7b    F#m    B     Em
Das vidas à margem há de ser


Mergulho 
Tom: Am7
Intro: ( Dm7  G5+/7  C7+  Am7  D/F#  E7/9-  F/A  Fm7 ) 
    Am7 
No exato momento  mo exato instante 
                Bm5-/7  E7 
Em que nós mergulhamos 
   Bm5-/7 
É preciso entender 
                          E7 
Que não estamos somente matando 
         Am7 
Nossa fome na paixão 
Pois o suor que escorre, não seca, não morre 
                            Dm7 
E não pode e nem deve nunca ser em vão 
     F#m7                    B7 
São memórias de doce e de sal 
Nosso bem, nosso mal 
 Bm5-/7           E7 
Gotas de recordação 
         Am7                       Am/G 
E é importante que nos conheçamos a fundo 
                         F7+ 
E saibamos quanto nos necessitamos 
      Bm5-/7 
Pois eis aqui o fim o começo 
  E7/9-                         Am7 
A dor e a alegria, eis a noite, eis o dia 
    Em5-/7                            A7 
É a primeira vez, é de novo, outra vez 
             Dm7             Dm/C 
Sem ser novamente 
       F#m7 
É o passado somado ao presente 
   B7                          Bm5-/7   E7       A7 
Colorindo o futuro que tanto buscamos 
    Dm7                  Bm5-/7 
Por favor, compreendamos que é o 
          E7 
Princípio de tudo 
     Am7                       Am/G 
Batendo com força em nossos corações 
    B7/F#                        F7+ 
E é importante que nós dois saibamos 
    E7             Em5-/7                  A7 
Que a vida está mais que nunca em nossas mãos 
    Dm7                     Bm5-/7 
E assim nessa hora devemos despir 
      Am7                      Am/G 
O que seja vaidade, o que seja orgulho 
  B7/F#                F7+ 
E do modo mais franco de ser 
   E7/9-                   Am7 
Vamos juntos no nosso mergulho 


Eu apenas queria que você Soubesse
Tom: C7+                           
Intro: ( E7+  C7+  D7+  F/G ) 
C7+ 
Eu apenas queria que você soubesse 
Am7 
Que aquela alegria ainda está comigo 
    F7+                      G4/7              G7 
E que a minha ternura não ficou na estrada 
   C7+              Am7              Dm7   G7 
Não ficou no tempo  presa na poeira 
C7+ 
Eu apenas queria que você soubesse 
Am7 
Que esta menina hoje é uma mulher 
     F7+                     G4/7    G7 
E que esta mulher é uma menina 
     C7+            Am7             Dm7                  G7 
Que colheu seu fruto  flor do seu carinho 
   C7+         Gm7               C7         F7+ 
Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta 
  Fm/Ab                   C/G 
Que hoje eu me gosto muito mais 
   Am7                          F/G 
Porque me entendo muito mais também 
     C7+                  Gm7           C7       F7+ 
E que a atitude de recomeçar  é todo dia toda hora 
 Fm/Ab                       C/G 
É se respeitar na sua força e fé 
Am7                           C7+  D7+   Eb7+    C#7+   F/G   Eb7+  G/A 
E se olhar bem fundo até o dedão do pé 
       D7+ 
Eu apenas queira que você soubesse 
Bm7 
Que essa criança brinca nesta roda 
     G7+              A4/7        A7 
E não teme o corte de novas feridas 
   D7+           Bm7              Em7         A7   C#7+   F/G   F7+   A/B   B7 
pois tem a saúde que aprendeu com a vida 


Mamão com Mel
Tom: E
Intro: E7+
parece até que eu 
        D#m7     G#5+/7
jamais falei no amor
   C#m7           Bm7  E7
parece até que jamais amei
   A7+       G#m7
criança é mesmo assim
   F#m7      C#m7   F#7
bobagem , beleza só fala
      B/d#   A/b
maravilhas  banais
E7+
quero amar  você   
    D#m7       G#5+/7
de todas as maneiras
       C#m7           C#m7+
que eu puder         viver  você         Estribilho
      Bm7        E7
por todos os caminhos 
        A7+      G#m7
que eu puder sentir você 
    A7+      D7/9    (C#m7  Bm7  G#m7  B/A)
em todos os sentidos do prazer  ( C#m7  Bm7  E7 )
A7+    G#m7
há que fel 
  A7+     G#m7
mamão com mel 
     F#m7        C#m7   Bm7  E7
e eu nem preciso asas pra voar
  A7+    D7/9      C#m7 Bm7  E7
melhor é bem difícil de sonhar
 A7+           D7/9   C#m7  Bm7   E7
amar   viver  sentir a vida com você 
  A7+      D7/9     (C#m7   C#m7/B  Bm7 Co)
amar  sentir  você   mas que prazer
estribilho
A7+     G#m7
há que fel 
  A7+      G#m7
mamão com mel 
     F#m7           C#m7  Bm7  E7
e eu nem preciso de asas  pra voar
  A7+     D7/9    C#m7  Bm7 E7
melhor é bem difícil de sonhar
  A7+         D7/9     C#m7 Bm7  E7
amar, viver, sentir a vida com você 
 A7+       D7/9      ( C#m7   C#m7/B   Bm7   Co  )
amar   sentir   você mas que prazer


Redescobrir
Tom: A
Intr: A  A7M  D/E  E  C#m  F#7/9-  D/C
          A                 E/G#
Como se fora brincadeira de roda, memória
F#m                     E6
Jogo do trabalho na dança das mãos, macias
C#m                      E/D
O suor dos corpos na canção da vida, história
C#m      F#m       Bm                 D/E
O suor da vida no calor de irmãos, magia
C                         G/B
Como um animal que sabe da floresta, perigosa
   Am                          G6
Redescobrir o sal que está na própria pele, macia
    F                     G/F
Redescobrir o doce no lamber das línguas, macias
   Em          Am          Dm            Eb7M   Ab/Bb
Redescobrir o gosto e o sabor da festa, magia
A                       E/A             C#7/9-
Vai o bicho homem fruto da semente, memória
F#m                        C#m7        D#7/5-
Renascer da própria força, própria luz e fé, memória
D                           E/D
Entender que tudo é nosso, sempre esteve em nós, história
C#m         F#m         Bm            D/E
Somos a semente, ato, mente e voz, magia
C                            G/C        E7/9-
Não tenha medo, meu menino bobo, memória
Am                    G6       F#7/5-
Tudo principia na própria pessoa, beleza
F                          G/F
Vai como a criança que não teme o tempo, mistério
Em          Am           Dm         G7          Eb7M     Ab/Bb
Amor se fazer é tão prazer que é como se fosse dor, magia
         Eb                Ab/Bb      G7/9-
Como se fora brincadeira de roda, memória
Cm                    Gm/Bb            A7/5-
Jogo do trabalho na dança das mãos, macias
Ab                        Bb/Ab
O suor dos corpos na canção da vida, história
Gm       Cm        Fm       Bb7        Eb
O suor da vida no calor de irmãos, magia


Diga lá, Coração
Tom: D
D
Diga lá, meu coração
       Em7               D/F#  G     D/F#   G  Bm7   A4/7
Da alegria de rever essa menina, e abraçá-la, e beijá-la
D
Diga lá, meu coração
            Em7         D/F#   G     D/F#   Bm7  A4/7
Conte as estórias das pessoas, das estradas dessa vida
(G                         D/F#)
Chore esta saudade estrangulada
Fale, sem você não há mais nada
C7M                    Bm7
Olhe bem nos olhos da morena e veja lá no fundo
  (A4/7                   Em7)
A luz daquele sol de primavera
Durma qual criança no seu colo
Sinta o cheiro forte do teu solo
Passe a mão nos seus cabelos negros
Diga um verso bem bonito e vá embora
Diga lá, meu coração
Que ela está dentro do teu peito e bem guardada
                             Am7      F7M    Bm    A4/7    A7     D
E que é preciso, mais que nunca, prosseguir
Ponto de Interrogação 
Tom: A
  
           E7   
Por acaso algum dia você se importou  
               Am7   
Em saber se ela tinha vontade ou não  
 Dm7                  G7   
E se tinha e transou,você tem a certeza  
 C7                 Am7   
de que foi uma coisa maior para  dois  
 F#m7              B7                Em7   
Você leu em seu rosto o gosto,o fogo,o gozo da festa  
 A7              Dm7   
E deixou que ela visse  em você  
           E7   
Toda a dor do infinito pra zer  
                E7   
E se ela deseja e você não  deseja  
 Am7   
Você nega,alega cansaço ou vira de lado  
 Dm7                A#7   
Ou se deixa levar na rotina  
 A7              C7M            Am7   
tal qual um menino tão só no antigo banheiro  
 F#m7                 B7   
folheando as revistas,comendo a s figuras  
 Em7                   A7   
as cores das fotos te dando a completa emoção  
 Dm7   
são pe rguntas tão tolas de uma pessoa  
             E7   
Não ligue,não ouça são pontos de interrogação  
                     E7   
E depois desses anos no escuro do quarto  
 Am7   
quem te diz que não é só o vicio da obrigação  
 Dm7                G7   
pois com a outra você faz de tudo  
 C7M   
lembrando daquela  tão santa  
 Gm7               C7   
que é dona do teu coração  
 F7M              Fm7   
Eu preciso é ter consciência  
 C7M                    C#   
do que eu represento nesse exato momento  
 Dm7                        G7   
no exato instante na cama,na lama,na grama  
 C7M             C7           (F7M)   
em que eu tenho uma  vida inteira nas mãos.  
O Que É O Que É 
Tom: Dm
 
 Dm             E7           Am          Am/G   
 Eu fico com a pureza das respostas das crianças  
 F7                     E7   
É a vida! É bonita e é bonita!  
 A     C#7    F#m      F#m/E          D    E7   
Viver   e não ter a vergonha de  ser feliz  
 Bm                  E7   
Cantar, e cantar, e cantar  
                            A   
A beleza de ser um eterno aprendiz  
 E7                 A      A7                     Refrão
 Ah, meu Deus! Eu sei   
                            D   
Que a vida devia ser bem melhor e será  
 Dm                         A         F#7   
Mas isso  não impede que eu repita   
  
Bm           E7        A       E7 BIS  
É bonita, é bonita e é bonita!  
    Am                  A7       Dm   
E a vida? E a vida o que é, diga lá , meu irmão?  
     Bm5-/7             E7   
Ela é a batida de um coração?  
 Bm5-/7     E7         Am   
 Ela é uma doce ilusão?  
 E7     Am                        Dm   
 Mas e a vida? Ela é maravida ou é sofrimento?  
 Bm5-/7          E7   
Ela é alegria ou lamento?   
 Bm5-/7      E7          Am     Ab7   
 O que é? O que é, meu irmão?   
         G7                            C   
Há quem fale que a vida da gente é um nada no mundo  
    Bm5-/7            E7   
É uma gota,  é um tempo  
  
      Em5-/7      A7   
Que nem dá um segundo   
         Dm            Bm5-/7             Am   
Há quem fale que é um divino mistério profundo  
     F            F7          E7   
É o sopro do criador numa  atitude repleta  de amor  
    Bm5-/7             E7   
Você diz que é luta e prazer  
    Am   
Ele diz que a vida é viver  
     E7   
Ela diz que melhor é morrer  
           Em5-/7                 A7   
Pois amada não é, e o verbo é sofrer  
      Dm                 Bm5-/7   
Eu só sei que confio na moça  
      Am   
E na moça eu ponho a força da fé  
      F7   
Somos nós qu e fazemos a vida  
      E7   
Como der, ou puder, ou quiser  
 Bm5-/7    E7  Am     Ab7  G7            C   
 Sempre desejada  por mais que esteja errada  
 Bm5-/7   E7    Am     B7      E7   
 Ninguém quer a morte só saúde e sorte  
 Bm5-/7  E7     Am  Ab7   G7       C  A7   
E  a pergunta  roda,  e a cabeça  agita  
 Dm          E7              Am      Am/G   
 Fico com a pureza das respostas das crianças  
   F7                    E7   
É a vida! É bonita e é bonita!  
  
 
 REFRÃO   
  
É
Tom: C7M
 
 C7M   
 É ...  
a gente quer valer o nosso amor  
                         Dm7   
a gente quer valer nosso suor  
a gente quer valer o nosso humor  
 Gm7   
a gente quer do bom e do melhor  
 C7/9                   Gm7   
a gente quer carinho e atenção  
 C7/9                  F7M   
a gente quer calor no coraçao  
 F#m7   
a gente quer suar mas de prazer  
 B7                       E7M   
a gente quer é ter muita saúde  
 Fm7           Bb7           Eb7   
a gente quer viver a liberdade  
 Em7          A7          D7M   
a gente quer viver felicidade  
 G7M   
É  ...  
 C7/9                     D7M   
a gente não tem cara de panaca  
 A#7                G7M   
a gente não tem jeito de babaca  
 C7/9                         F#m7   
a gente não esta com a bunda ex posta na janela  
  
pra passar a mão nela  
 Em7   
É  ...  
 A7                   F#m7   
a gente quer viver pleno direito  
 B7                 E7M   
a gente quer  viver todo defeito  
 Em7             F#m7   
a  gente quer viver uma nação  
 Em7                  F#m7   
a  gente quer e ser um cidadão  
 Em7                 F#m7   
a  gente quer viver uma nação  
 Gm4/7  Gm7/5  Gm7  Gm7/5   
É, é,é,é, é,é,é,é ,é...  
 C7M   
É ...  
a gente quer valer o nosso amor  
 Dm7   
a gente quer valer nosso suor... 
Começaria tudo outra vez
Tom: D
Introdução: A7/9  A7/9b
           D7M                          Dbm7        Gb7 
Começaria tudo outra vez, se preciso fosse meu amor 
                Bm7                                   Am7   D7 
A chama no meu peito ainda queima, saiba, nada foi em vão 
         G7M                     Abo 
A cuba-libre da coragem em minha mão
           Am6                   B7
A dama de lilás me mechucando o coração
        Em                     A7
A febre de sentir seu corpo inteiro
              D7M   A7/5#
Coladinho ao meu
              D7M  
E então eu cantaria a noite inteira 
            Dbm7        Gb7
Como eu já cantei e cantarei
           Bm7                                       Am7  D7
As coisas todas que já tive, tenho e sei que um dia terei
             G7M                 Abo             Am6
A fé no que virá e a alegria de poder olhar pra trás
              F7        Em
E ver que voltaria com você
           A7                  Am7    D7
De novo a viver nesse imenso salão
               G7M                 Abo
Ao som desse bolero, a vida, vamo nós
              Am6            B7
E não estamos sós, veja meu bem
                  Em
A orquestra nos espera, por favor
          A7       Am7    D7
Mais uma vez, recomeçar
               G7M                Abo 
Ao som desse bolero, a vida, vamo nós
              Am6            B7
E não estamos sós, veja meu bem
                  Em
A orquestra nos espera, por favor
          A7      D7M
Mais uma vez, recomeçar
Explode coração
Tom: Bm
Bm                   Bm7M                   Bm7
Chega de tentar dissimular e disfarçar e esconder
          Bm6           Em               Em7M        Em
O que não dá mais pra ocultar e eu não posso mais calar
           Em6         Em7        A7
Já que o brilho desse olhar foi traidor
     D7M                      D6
E entregou o que você tentou conter
                       G6           C#4/7   F#7/5+
O que você não quis desabafar e me cortou
Bm                Bm7M                      Bm7
Chega de temer, chorar, sofrer, sorrir, se dar
      Bm6         Em            Em7M         Em
E se perder e se achar e tudo aquilo que é viver
         Em6        Em7  A7                      D7M
Eu quero mais é me abrir e que essa vida entre assim
                D6                      G6
Como se fosse o sol desvirginando a madrugada
                           C#4/7    F#7/5+
Quero sentir a dor desta manhã
Bm                     Bm7M                       Bm7   Bm6
Nascendo, rompendo, rasgando tomando meu corpo e então eu 
 Em                    Em7M              Em  Em6
Chorando, sofrendo, gostando, adorando gritando
       Em7                 A7
Feito louco, alucinado e criança
  D7M                     D6
Sentindo o meu amor se derramando
                  C#m7/5b   F#7     Bm7
Não dá mais pra segurar, Explode coração